SIGAM ESTE BLOG

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Comentando estrutura e níveis hierárquicos das empresas

Muitas empresas, sobretudo algumas multinacionais, trabalham com uma estrutura que chamam de matricial. É algo difícil de explicar, mas além de servir para dar emprego para muita gente, atribui a diferentes pessoas responsabilidades para coordenar alguns processos.

Assim, um gerente de uma fábrica, por exemplo, pode responder para um diretor, mas por outro lado terá um monte de coordenações lhe cobrando mil coisas.

Alguns exemplos de coordenações que um gerente fábrica poderia ter são: coordenação de meio ambiente, coordenação de qualidade, coordenação de projetos, e muitas outras coordenações.

A estrutura matricial é um sistema interessante, pode até ser útil, mas para isso o seu chefe, e os chefes dos chefes e assim por diante, precisam ser sérios, éticos e profissionais. Menciono isso, porque trabalhei numa certa empresa, onde os coordenadores ficavam na matriz, em outro país e me perguntavam coisas, cujas respostas me causaram alguns problemas. Eu não sabia, que já haviam mentido antes e que minha resposta iria colocar alguns pares ou superiores em situação difícil.

Apesar de ser pouco recomendável e antiquado, muitas empresas ainda mantêm um monte níveis, o que adicionado à estrutura matricial gera alguns organogramas que são extremamente complicados e nada funcionais.

Tenho observado reduções de custos significativas, o que ocorreu através da redução de níveis e eliminação de coordenações desnecessárias, que mais engessam as empresas do que ajudam. Mas as coordenações podem ser indispensáveis, isso ocorre tanto mais quanto maior o nível de despreparo da direção das empresas.

A redução de níveis hierárquicos precisa ser acompanhada da melhora do nível dos funcionários de linha, de maior delegação de responsabilidade e da devida retribuição para aqueles que demonstrarem maior competência.

Em alguns setores onde a competição é forte e as margens são menores, há menos espaço para desperdícios com estruturas super dimensionadas. Algumas empresas que optam por esse caminho têm grande chance de ficarem no vermelho.

Por outro lado, em algumas empresas que possuem produtos que são vendidos com altas margens de lucro, é comum encontrarmos desperdício com funções e níveis desnecessários. Infelizmente, muitas empresas apenas procuram adequar estruturas apenas quando se encontram seriamente afetadas pelo inchaço. Ai, pode ser tarde, e o custo dos ajustes tendem a ser muito maiores do que se fossem feitos previamente.

A alternativa é agir preventivamente, focar qualidade e não quantidade de pessoas. Formar um grupo enxuto, motivado e campeão! Como fazer isso? O começo de tudo é colocar na direção gente seria, justa, ética e competente. Aí, talvez resida a maior dificuldade, você não acha?

Brazil Business Consultants  < cliquem neste LINK

Mais uma ação para divulgação e aumento de network

Seja meu contato no Linkedin e Twitter







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loja Virtual de Moda Fitness

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...