SIGAM ESTE BLOG

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Cuidados na elaboração do Currículo.

Um currículo ( CV ) bem elaborado é elemento imprescindível a todo profissional, esteja ele em princípio, meio ou na maturidade de suas carreiras.

Tenho visto alguns modelos inovadores que são autênticas obras de arte. Onde usam e abusam de gráficos, cores e coisas que não se veem nos CV´s usuais.

Eu vou na contramão do que muito se comenta, e prefiro os CV´s tradicionais. Quem procura um candidato não está interessado em CV´s que parecem obras de artes, mas sim CV´s práticos, sintéticos e que dê uma boa visão do perfil, histórico profissional e outras características do candidato.

Minha recomendação é que não percam tempo com esses CV´s rebuscados, coloridos e pretensamente inovadores. Muitos que se apresentam através deles poderão estar mais preocupados com a forma do que com o conteúdo, e uma vez admitidos poderão agir da mesma forma dentro da empresa. Aliás preocupação com a forma e não com o conteúdo, predomina nas empresas.

A seguir relato alguns aspectos que precisam considerados nos CV´s

Qualidade das informações do currículo:

Infelizmente uma grande parte dos currículos que recebemos não são bem elaborados e deixam de passar informações importantes sobre os candidatos.
Currículos devem retratar a vida profissional dos profissionais e devem ser verdadeiros, assim a omissão ou inclusão inadequada de tópicos, ou exagero dos atributos e qualidades podem comprometer a qualidade do currículo, ou até mesmo desclassificar o postulante a alguma vaga que esteja sendo oferecida.

Tamanho do currículo:
Não podemos definir um tamanho ideal, mas recomenda-se não ultrapassar 2 folhas para profissionais com ampla vivência profissional. Um CV com 3 páginas é considerado muito extenso.

Dados Pessoais:

Coloque apenas os dados básicos: Nome, data de nascimento, endereço, cep, email, home page ( se tiver ), telefones, estado civil, filhos. No meu CV eu coloco "não fumante". Não precisa colocar números dos documentos ( CPF e RG ), pois seu CV pode cair na mão de pessoas inescrupulosas.

Não inclua foto, a menos que sua profissão seja a de modelo, ou outra onde a imagem seja requisito.

Objetivo:

Coloque em destaque a área em que atua, ou em que pretende atuar, por exemplo: executivo de área financeira ( Controladoria, Custos e Orçamentos )
Resumo das qualificações e experiência:
Resuma suas principais qualificações e experiência, faça um resumo que reflita o seu perfil e experiência e que sirva para chamar a atenção sobre o bom potencial que você representa.
Exemplo:

Economista com MBA em finanças e dez anos de experiência em planejamento financeiro e controladoria
Coordenou a implementação de sistemas integrados ( SAP, Microsiga e J. Edwards )
Organizou grupo de planejamento tributário que contribuiu para a recuperação de 5 milhoes de reais de créditos de impostos.


O resumo de suas qualificações e experiências poderão servir como parte de uma carta de cobertura a ser enviado para headhunters, empresas e executivos. Muitos desses profissionais descatarão os CV´s recebidos olhando a carta de apresentação, ou o início do CV. Então trate de elaborar uma boa carta de apresentação. Ela deve ser breve e não conter mais do que alguns poucos parágrafos em cerca de meia página.

Formação acadêmica:

Apresentar sua formação sempre em ordem cronológica da mais recente até as anteriores. Não precisa apresentar o primeiro grau, mas o nível médio deve ser mostrado, principalmente se tiver cursado escola técnica.
Mostrar o nome da escola, data de início e conclusão, bem como o curso efetuado.

Outros cursos:
Apresentar apenas cursos importantes. Não precisa mencionar cursos de curta duração, participação de seminários, etc.

Emprego atual: Mencionar data de inicio, cargos e promoções, incluir informações básicas sobre empresa, ramo, número de funcionários, vendas anuais e outras cifras sob sua responsabilidade, como por exemplo: administrou um budget de 100.000 euros.

Empregos anteriores:Informar todos, do mais atual para o mais antigo, igualmente ao emprego atual, mencionar informações básicas sobre empresa, ramo, número de funcionários, vendas anuais e outras cifras sob sua responsabilidade.

Resultados obtidos: Faça uma breve relação de resultados obtidos em cada empresa, mencione cifras das economias e resultados alcançados, não exagere nos benefícios mas apenas relate. Utilize verbos como: implantei, Obtive, organizei, participei, ruduzí, etc.

Idiomas: Mencione outros idiomas além do português que você tem algum conhecimento. Mencione se o seu conhecimento é intermediário, avançado ou fluente. Cuidado para não exagerar no seu conhecimento e depois não comprovar na entrevista, isso pode pegar mau.

Conhecimentos de informática
Mencione detalhadamente seus conhecimento e detalhe qual o nível.  Exemplo: Excel avançado (macros, tabelas dinâmica e um pouco de SQL ), power point ( conhecimento básico ) e word (conhecimento intermediário ). Aqui vale uma observação: dos candidatos que entrevistei 90% não comprovam o conhecimento de informática que dizem ter. Tome cuidado!

O QUE NÃO COLOCAR NO CURRÍCULO 

 Fonte: Fonte: http://www.catho.com.br/dicas-emprego/orientacoes-para-elaborar-um-bom-curriculum/

O currículo deve ser agradável à leitura, portanto, deve ser discreto. No máximo, utilize um papel de tom pastel em vez do branco, mas nada além disso.

Para destacar as informações você pode usar os recursos de negrito e itálico do seu processador de texto. Evite variar os tipos de fonte para não transformar o seu currículo em uma salada gráfica e irritar quem o lê.

Se a sua relação de empregos é muito grande, selecione apenas os últimos cinco empregos da sua carreira. E, mencione no sumário de qualificações que você possui mais experiência do que o mencionado.

Em alguns casos é importante colocar todas as informações, como nos currículos de cientistas ou médicos, para cujos empregadores os artigos publicados são importantes, assim como o detalhamento dos congressos de que o profissional participou. Mas, de maneira geral, essas informações só entediam a quem vai ler o currículo.

Não perca tempo inserindo número do CPF ou do Título de eleitor, ou mesmo da Carteira profissional. Se alguém tiver interesse nestes documentos, será o Departamento Pessoal no momento em que for efetivar a sua contratação. Nunca antes.

Não colocar razões de ter deixado o emprego anterior. Esta informação é importante para o seu empregador, mas deve ser discutida no momento certo. E, o momento certo é a entrevista pessoal.

Referências
A lista de referências deve ser impressa à parte, e você deve tê-la à mãos na entrevista, para apresentá-la ao entrevistador no momento em que for solicitado.

Raça, religião e filiação partidária

Ninguém tem interesse em conhecer estas suas convicções, seja para benefício ou para prejuízo da sua carreira. Ao contrário, colocando essas informações pode parecer que você é quem tem preconceito com relação a esses itens.

Salário anterior e pretensão salarial

Alguns especialistas são a favor de mencionar salário e pretensão no currículo, mas coloque apenas quando solicitado, esse tópico normalmente é abordado nas entrevistas. Quando o anúncio pede, pode-se escrever alguma coisa geral como aceito discutir propostas ou estou aberto para discutir a questão salarial.

Dicas Finais

Um profissional deve sempre manter um CV super atualizado. Até mesmo a empresa onde o profissional atua pode necessitar de um CV, isso para atualizar o banco de dados ou mesmo avaliar o aproveitamento em alguma vaga interna.

Mantenha um CV atualizado, mas ele deve servir apenas de ponto de partida. Para cada caso formate seu CV de acordo com cada demanda e destaque pontos a sua experiências relativa aos requisitos da vaga.

Cultive o hábito de revisar constantemente e aprimorar seu CV. Mais do que isso, procure construir um belo currículo não apenas no papel, mas sendo um profissional reconhecido no mercado. O melhor Currículo é aquele que deixamos impresso na memória dos pares, subordinados, superiores e outros parceiros, o que será sempre fruto de nossa postura ética, conhecimento profissional, comprometimento e contribuição efetiva que tenhamos prestado às organizações e às pessoas por onde passamos.

Participe da rede social Linkedin, vejam meu perfil lá  br.linkedin.com/in/ariovaldosilva/  e evite se expor na Internet, pois headhunters, empresas e executivos costumam pesquisar e conhecer seus perfis nas redes sociais como Facebook, Twitter, Google + e outras

Vejam nossos Artigos no Linkedin  {{{{{{{{{{{{{{{{  Clique




Ariovaldo Lopes da Silva – Mestre em Ciências Contábeis, Economista, Professor universitário por 20 anos e executivo de empresas por 40 anos, sendo último cargos ocupados com carteira assinada de Controller para America Latina na Henkel e Diretor Financeiro na Mauser. Atualmente é Palestrante, Consultor e Empresário. Possui mais de 200 artigos sobre Controladoria, Finanças e Gestão de Empresas.  arilopes@folha.com.br



Um comentário:

Loja Virtual de Moda Fitness

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...