SIGAM ESTE BLOG

segunda-feira, 14 de julho de 2014

MELHORIA CONTÍNUA E INDICADORES DE PERFORMANCE

                                                                  

PALESTRAS com o Professor Ari -  Contrate a Palestra:Preparando Líderes para obter comprometimento dos funcionários e para entregarem resultados através de posturas corretas.
( uma palestra destruidora dos comportamentos negativos. Seus líderes e sua equipe nunca mais serão os mesmos )   acesse aqui - PALESTRAS COM O PROFESSOR ARI
                                                                              


                                                                            Como disse Willian Shakespeare, "todos os
                                                                             caminhos estão errados quando você não sabe 
                                                                             aonde quer chegar".



Num sistema de melhoria continua é necessário que sejam monitorados de forma sistemática indicadores que sirvam para avaliar performance. Desta forma, para os processos principais devem-se eleger alguns indicadores e monitorá-los de forma a conhecer o passado e presente, e assim ter um objetivo para curto,  médio e longo prazos, ou seja, é preciso saber onde se está e aonde se quer chegar.



Todavia não basta eleger indicadores de performance e estabelecer metas. É preciso que sejam adotadas estratégias e ações detalhadas para que sejam conquistadas as melhorias esperadas. 

Muitas empresas, organizações não governamentais, grupos sociais, famílias e até pessoas podem e devem identificar indicadores estratégicos, estabelecerem metas, efetuarem planos e determinarem um sistema de monitoração e feed back para o atingimento das metas determinadas.
  
O Balanced Score Card (BSC) é uma ótima ferramenta que, de forma estruturada, possibilita a construção, implementação, medição e feedback das estratégias das empresas.

Importante também ressaltar que as empresas não devem focar em muitos indicadores, visto que se corre o risco da criação de uma complexidade de difícil gerenciamento. Por isso, o desenho dos sistemas deve ser avaliado com muito critério e com a participação de profissionais experientes.

Uma vez definidos os indicadores estratégicos as empresas devem elaborar planos de ações e passarem a executar os planos. A monitoração dos planos com reuniões periódicas, um plano de incentivos para aqueles que atingirem e até ultrapassarem as metas e um plano de comunicação para disseminar a cultura de melhoria contínua e de busca da excelência nos processos requeridos para a melhora dos indicadores são elementos importantes.

Robert Kaplan, um dos maiores nomes da contabilidade gerencial menciona que a contabilidade do futura será uma contabilidade de indicadores, onde serão reportadas cifras, sendo muitas delas não financeiras. Exemplos dessas cifras não financeiras são: utilização de capacidade instalada, nível de satisfação dos clientes, market share, produtos rejeitados, etc.

Pequenas, medias ou grandes empresas nos mais variados ramos têm algo em comum, que é fazerem a escolha correta ao buscarem melhoria contínua através da gestão estratégica de indicadores de performance. Esse é o caminho que pode propiciar às empresas trilharem o caminho da eficácia e do sucesso.

Veja também http://blogdoprofessorari.blogspot.com.br/2012/12/6-ferramentas-todo-consultor.html

Palestras na sua empresa sobre indicadores de performance e outros tópicos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loja Virtual de Moda Fitness

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...