SIGAM ESTE BLOG

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Custos dos Parlamentares. Cuidado com o seu voto!



Vejam os custos de mensais dos deputados e senadores. Nessas eleições cuidado não entregue seu voto na mão de qualquer um. Votar em branco ou nulo não é solução, eu votarei em candidatos que possuem histórico de defensores dos direitos dos animais e meio ambiente.

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Q.I. não é inteligência – A destruição de um mito

Lançamento de livro da Editora Qualitymark

A sigla Q.I., que significa “quociente intelectual“, transformou-se em sinônimo de inteligência, como se esta potencialidade constasse apenas de funções cognitivas, ignorando que ela é muito mais ampla que tudo que o intelecto pode realizar, mesmo quando devidamente estimulado. De “quociente intelectual” passou-se a considerar a sigla Q.I. também como “quociente de inteligência”.

Na linguagem comum, ouve-se, por exemplo, que uma pessoa tem baixo Q.I. para indicar que ela tem pouca inteligência. A inteligência é uma função global própria dos seres para propiciar-lhes a autopreservação e preservação da espécie. Ela vai depender de três fatores: do ambiente físico, cultural e psicológico em que pessoa veio ao mundo; da educação, isto é, como é tratado o seu potencial e do fator genético.

O propósito desse livro é contribuir para mostrar que inteligência, em seu sentido mais amplo e verdadeiro, é muito mais que aquilo que os testes de Q.I. dizem medir, por mais atualizados que sejam, pois se baseiam em uma premissa errada e, consequentemente, chegam a conclusão errada.


Público-alvo: A profissionais ou leigos que queiram entender a amplitude da inteligência, que vai muito além do que avaliam os testes mentais.


Autor: Luiz Machado iniciou sua vida profissional como professor de Inglês e Alemão, tendo se voltado logo em seguida para cargos de administração. Foi diretor do Instituto de Letras da Uerj, universidade em que chefiou, por 26 anos, o “Programa Especial de Desenvolvimento da Inteligência e Criatividade (Pedic)”. Nessa época, concomitantemente, foi Superintendente de Recursos Humanos do Grupo LTB, no Rio de Janeiro e São Paulo, período em que publicou seu livro best-seller “Se Funciona é Obsoleto; Criatividade na Administração”. Ao longo de 45 anos, desenvolveu sua tese de que a inteligência depende mais do sistema das emoções, com destaque para o sistema límbico, que do intelecto, conforme a apresentou em congresso, em Estocolmo, Suécia, em 1984.



Dados técnicos:

ISBN: 978-85-7303-945-0

Formato: 16x23 cm

Preço:  R$19,90

Número de páginas: 96

1ª Edição: 2010  

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Emprego, carga tributária e infraestrutura caótica no país

8,4 milhões de empregos criados durante o governo Lula é merito do dinâmico mercado brasileiro e não desse governo que está aí. Se o governo tivesse feito o que devia fazer e não fez seriam criados muito mais de 10 milhões de empregos.  A carga tributária e o tamanho da máquina estatal no país explodiram durante esse governo.

A máquina pública inchada é um enorme problema no país que se agravou no governo Lula, vejam esse artigo publicado pelo portal exame:

http://portalexame.abril.com.br/economia/brasil/noticias/brasil-vai-pagar-caro-maquina-publica-inchada-590850.html




Por outro lado a carga tributária deve bater recorde em 2010, fazendo com que paguemos impostos em níveis superiores a países que oferecem um nível de servilo público com qualidade muito superior. Vejam:


http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/carga-tributaria-volta-a-subir-e-deve-registrar-recorde-de-347-do-pib/


A de se considerar também a caótica realidade da infraestrutura do país que apresenta uma carência crônica de investimentos e que compromete o desenvolvimento e inibe investimentos.

Tudo isso se reflete no chamado custo Brasil, que juntamente com a precaria educação, contêm o avanço do país que poderia crescer num ritmo muito maior. 

http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,custo-brasil-e-educacao-contem-avanco-do-brasil-diz-relatorio,586627,0.htm




terça-feira, 14 de setembro de 2010

Normas internacionais de relatórios financeiros para pequenas e médias empresas-ifrs-pme


Destaco abaixo link de excelente material preparado pela Crowe Horwath RCS.
A lei 11.638 trouxe mudanças profundas nas normas contábeis, alinhando a contabilidade praticada no Brasil com as normas IFRS, que é a norma vigente na europa e em vaios outras países do mundo.


A lei 11.638 é regulamentada através de pronunciamentos técnicos publicados pelo CPC ( comissão de pronunciamento contábil). A seguir destaco uma o link do CPC com pronunciamentos efetuados. É muito importante a contadores e profissionais afetados ou envolvidos com a contabilidade, que estudem  e conheçam os CPC´s.



Loja Virtual de Moda Fitness

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger... Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...